7 indicadores contábeis para gerir melhor seu negócio

indicadores contábeis

Compartilhe nas redes!

Fazer uso dos indicadores contábeis é uma forma de escalar os bons resultados nos negócios. Portanto, qualquer empresa, grande ou pequena, precisa saber utilizá-los.

Pensando nisso, neste post vamos abordar os principais indicadores contábeis que não podem faltar no conjunto de ferramentas da gestão eficiente. Aproveite!

1 – Análise Vertical e Horizontal do Ativo e Passivo

Essa análise demonstra a variação do patrimônio da empresa, podendo ser feito mês a mês, ou a cada semestre ou ano.

Dessa forma, fornecendo importantes indicadores sobre o aumento ou diminuição do Ativo e Passivo, por exemplo.

2 – Análise Vertical e Horizontal do Relatório do Demonstrativo de Resultados

Esse indicador contábil permite identificar quais as despesas apresentaram aumento, por isso, o plano de contas deve representar os gastos reais que a empresa possui.

3 – Índices de liquidez

Os índices de liquidez também são importantes indicadores contábeis que fornecem um panorama pormenorizado da saúde financeira das organizações.

Para isso, os índices de liquidez são subdivididos em quatro categorias, a saber:

  1. Liquidez corrente, indicando o quanto a empresa possui de Ativo Circulante para cada um real do Passivo Circulante;
  2. Liquidez seca, indicando quanto há no Ativo Circulante para pagar as obrigações do Passivo Circulante, mas sem considerar o Estoque;
  3. Liquidez geral, indicando o quanto a empresa possui de Ativo para quitar todas as dívidas, mas sem considerar o Ativo Imobilizado;
  4. Liquidez imediata, indicando o quanto tem disponível para uso imediato para cada um real do Passivo Circulante.

4 – Índice de Lucratividade

Acompanhar o índice de lucratividade também é importante para nortear as estratégias de vendas, e manter a lucratividade sempre em alta.

5 – Índices de rentabilidade

Os índices de rentabilidade fornecem uma visão clara sobre o quão rentável estão sendo os investimentos da empresa, para isso, são analisados indicadores, tais como:

  1. Rentabilidade do Ativo Total, indicando o quanto de lucro está gerando para cada R$ 100,00 gastos com investimentos totais.
  2. Rentabilidade do Capital Próprio, indicando o quanto de retorno financeiro é obtido comparado ao Capital Próprio que é investido.
  3. Giro do Ativo, indicando o quanto a empresa vendeu para cada um real de investimento total.

6 – Índices de Rotatividade

Os índices de rotatividade são indicadores contábeis que mensuram a rapidez com que a empresa consegue receber suas receitas com vendas.

Para isso, são analisados os números gerados nos seguintes fatos:

  1. Prazo Médio para Recebimentos das Vendas;
  2. Prazo Médio para Pagamento das Compras Adquiridas, indicando o prazo médio para pagar as compras a prazo;
  3. Prazo Médio de Estocagem, indicando o número de dias necessários para o estoque ser vendido.

7 – Ponto de Equilíbrio

O ponto de equilíbrio é o indicador contábil que permite visualizar os índices mensais e anuais, considerando as receitas, os custos fixos e variáveis e a margem de contribuição.

Dessa forma, indicando o quanto é necessário arrecadar de receitas mensais para conseguir pagar as contas e ainda aumentar a lucratividade.

Como visto, a contabilidade é uma ferramenta indispensável para conseguir gerir os negócios de forma eficaz e escalar cada vez mais os resultados positivos.

Portanto, clique aqui e reserve já a sua consultoria contábil, venha aprender a usar a contabilidade para lucrar mais.

A Equipe Carvalló agradece pela confiança de sempre.

Classifique nosso artigo post

Compartilhe nas redes:

Facebook
Twitter
Pinterest
LinkedIn

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Veja também

Posts Relacionados

Recomendado só para você
Os indicadores financeiros são os principais instrumentos para avaliar a…