Contabilidade para MEI no Pará: É Mesmo Necessário?

Contabilidade Para Mei No Pará

Compartilhe nas redes!

Share on facebook
Share on linkedin
Share on twitter
Share on email

Entenda o real papel de uma contabilidade para MEI no Pará e descubra porquê ter um especialista ao seu lado pode ser a melhor escolha que você já fez na posição de empresário!

Existem muitas opiniões sobre a contabilidade para MEI no Pará, mas hoje vamos esclarecer de uma vez por todas se ela é realmente necessária

Você, enquanto microempreendedor, já deve ter se perguntado diversas vezes sobre a necessidade de ter o apoio de uma contabilidade especializada no seu porte empresarial, certo?

É fato que, por vezes, diversas pessoas veem a contabilidade como um custo adicional ou algo opcional quando o assunto é ganhar notoriedade no mercado, aumentar o faturamento e outros objetivos mais.

Contudo, vale lembrar que, feliz ou infelizmente, de nada adianta ganhar “rios de dinheiro” e, ainda assim, ter de lidar com multas pelo não pagamento de impostos, ou problemas financeiros causados pela não consideração de necessidades básicas do empreendimento.

Aliás, para que fique claro, se você ganhar “rios de dinheiro” — especificamente acima de R$81 mil anual —, vai precisar deixar de ser MEI.

Então, se o seu objetivo é compreender a importância, assim como as facilidades que uma contabilidade para MEI no Pará pode gerar, continue com a gente até o final e tenha todas as suas perguntas respondidas de maneira simples e direta.

Afinal de contas, o Microempreendedor Individual é obrigado a ter uma contabilidade cuidando do seu negócio? 

A resposta para essa pergunta é muito simples: diferente do que diz a lei sobre as demais empresas, o MEI NÃO ESTÁ OBRIGADO A TER UM CONTADOR.

Mas, antes que você saia daqui saltitante, lembre-se que existe uma enorme diferença entre necessidade e obrigatoriedade.

Apesar de não ser obrigado a manter uma contabilidade formal para o seu negócio, você, enquanto MEI, sabe muito bem que existem diversas obrigações com as quais deve cumprir. Entre elas se destacam:

  • Emissão de DAS (Documento de Arrecadação do Simples Nacional) que contém a junção de todos os valores devidos em tributos;
  • A anual do Imposto de Renda;
  • Preenchimento do Relatório Mensal das Receitas Brutas;
  • Emissão de Nota Fiscal;
  • A Declaração Anual do Simples Nacional – DASN-SIMEI;
  • Prestação de informações sobre o seu colaborador (já que MEI somente poderá contratar um funcionário).

E se você não sabia dessas obrigações, a importância de uma contabilidade para MEI no Pará já deve ser bem clara neste momento, não é mesmo?

Dessa forma, pode-se dizer que, mesmo não sendo obrigado a ter um contador ao seu lado, o microempreendedor individual deve, sim, ter o apoio de um especialista, não apenas pelo grande número de obrigações às quais deve estar atento, mas pela garantia de efetividade na prestação de contas, já que erros podem gerar grandes problemas.

É você quem decide. Há a possibilidade de lidar com as suas obrigações sozinho, onerando muito do seu tempo que poderia ser usado para garantir o crescimento financeiro do seu negócio. 

No entanto, caso queira deixar as burocracias bem longe de você e garantir que toda a sua atenção estará voltada em fazer o seu empreendimento evoluir, é só clicar no botão verde que aparece no canto direito da sua tela e falar agora mesmo com um de nossos especialistas.

Estamos aqui para garantir um futuro próspero para você!

Compartilhe nas redes:

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on pinterest
Pinterest
Share on linkedin
LinkedIn

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Veja também

Posts Relacionados

Recomendado só para você
Entenda o que é necessário para abrir uma empresa no…
Cresta Posts Box by CP
Back To Top
Open chat